Militares Inativos em maior número que ativos no DF



O Portal Metrópoles publicou hoje uma matéria chamando atenção para este cenário comunicado pela AMEBRASIL na semana passada. Os dados foram levantados pelo IPEA, conforme publicação feita aqui em nosso blog.


Segundo a matéria do Metrópoles, os dados revelam mais do que o envelhecimento das forças de segurança ou o aumento da expectativa de vida da população. Eles indicam a falta de renovação dos quadros e despertam a preocupação com o pagamento de servidores.


O Presidente da AMEBRASIL, Cel. Wellington Corsino, foi um dos especialistas ouvidos pela reportagem e chamou atenção para a preocupação de que “ter mais inativos do que ativos demonstra que os governadores, em sucessivas gestões, desviaram a finalidade do Fundo Constitucional. No caso da PMDF, por exemplo, o efetivo deveria ser de 18.765 mil”.


No DF, o painel de pessoal da Secretaria de Economia revela que na PMDF, 14 mil policiais entraram na reserva, enquanto a corporação conta com 11 mil servidores no quadro. Na Polícia Civil, são 4.443 ativos e 5.240 inativos. E no CBMDF não é diferente, 6.949 reservistas, e 5.671 em serviço.


Esta realidade não só se traduz na sensação de falta de segurança, mas impacta fortemente nas finanças públicas, fazendo com que a "conta não feche".




Leia matéria completa clicando aqui.


Fonte e Arte: Portal Metrópoles

Foto: JP Rodrigues/Metrópoles

97 visualizações
LOGO AMEBRASIL verticalAtivo 1_3x.png